O que é mídia social para sua empresa?

 

Esse é um tema frequentemente debatido e muitas empresas gostariam de dominar e entender toda essa revolução que a internet vem passando. Todas as suas transformações desde o surgimento da web 2.0 e do avanço das redes sociais. Na verdade a maioria das empresas ainda olha para as mídias sociais como um lugar com uma grande audiência para veicular o seu comercial.

O primeiro grande desafio é o fator cultural, as empresas e agências de publicidade estão acostumadas a calcular GRP de um veículo de mídia ou programação que possuem grande audiência para atingir o seu público-alvo. Trabalham a verba do cliente utilizando várias outras formulas como CPM, CPP, entre outras, para alcançar o melhor investimento. E nas mídias sociais compramos audiência?

Marcelo Coutinho diretor de Análise de Mercado do IBOPE Inteligência em seu artigo “Quanto vale uma rede social ?”  , nos faz refletir e ajuda a entender e a melhor conceituar uma rede social. Para Marcelo Coutinho é um equivoco medir o valor de uma rede social pela sua audiência, pois equivale a igualar um “espectador” a um “amigo” ou “inimigo”.

“Uma rede social é algo infinitamente mais valioso que uma audiência, mas ao mesmo tempo é mais fluida, menos passiva e mais instável.

Ela não se baseia em critérios “imobiliários” de compra e venda de “espaço” entre seus integrantes, como na mídia tradicional. Sua “moeda” é outra: a capacidade de mobilizar indivíduos (ou avatares) em torno de um tema. Esta capacidade tem um conceito equivalente ao que na sociologia é chamado de “capital social”.

Eu prefiro chamar Rede Social de “Mídia Social” porque redes sociais sempre existiram mesmo antes do surgimento da internet, nossa comunidade é uma rede social composta por pessoas que interagem entre si. É claro que a mídia tradicional e mídia social são parecidas e podem ser exploradas para trabalhar qualquer marca, porque são meios de comunicação e com grande valor de resultado.

A grande diferença a meu ver está na “Comunicação”, na mídia tradicional a ação publicitária é predatória e muitas vezes com mensagens indesejáveis, enquanto que na mídia social é participativa, as pessoas conversam e esperam que as marcas façam o mesmo, com informações relevantes e úteis para elas. O expectador confia cada vez menos na propaganda paga, a prova está no resultado da pesquisa realizada pela empresa americana Edelman de Relações Públicas dos EUA. Embora sem dados para o Brasil, o levantamento apontou que para os jovens adultos americanos (entre 25 e 34 anos), a Wikipédia, os blogs e o YouTube superam em credibilidade a propaganda tradicional, quando o assunto são empresas.

Qual a credibilidade de cada fonte de informação sobre uma empresa?* 



 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Blog do digital age. 
Pesquisa : Trust Barometrer 2008, Edelman (*somente respostas “extrema credibilidade” ou “muita credibilidade”)

A comunicação de uma empresa nas mídias sociais deve ser permanente e não sazonal, por períodos como é feita na mídia tradicional. Como diz o Marcelo em seu artigo “Capital social não se “compra”, se constrói. Através de interações relevantes, recíprocas e duradouras-ou seja, um projeto de comunicação com redes sociais não vai caber na régua estreita do “ROI” de orçamentos mensais. Mais do que grandes números –ou investimentos— exige um trabalho constante e perene.

Com a Mídia Social  conversarmos com os nossos clientes em grande escala, respondemos os seus elogios, opiniões e também as críticas, podemos monitorar o que estão falando de nossa empresa e solucionar um problema muitas vezes em tempo real.

Não se engane ao pensar que todos os seus clientes estão satisfeitos com sua empresa, por isso, atenda as necessidades desses clientes antes que disseminem suas insatisfações em suas redes sociais.

Por: Airton Hilário Schaefer 

O consumo digital e a influência digital no consumo

Antes de comprar um carro, por exemplo, o suposto cliente busca saber tudo sobre o modelo desejado. Pede opinião para amigos que já o tiveram, lê revistas sobre o assunto, e, principalmente, pesquisa na internet. adidas stan smith A grande internet, onde tudo se encontra. Essa é uma realidade cada vez mais presente. adidas superstar Antes de comprar um objeto de desejo, o usuário entra nos sites das marcas, pesquisa nas redes sociais, lê críticas e elogios. Afirmando esta ideia, a agência Fleishman-Hillard dos EUA, divulgou neste mês um estudo sobre o comportamento do consumidor digital, que aponta a influência da internet na decisão de compra. uggs uk sale

Segundo o levantamento, 66% dos entrevistados utilizam a web para determinar a compra, ou não, de um produto.

Por outro lado, 61% afirmam buscar a opinião de amigos, parentes ou colegas; 61% recorrem ao e-mail; 42% à televisão; 43% utilizam os jornais impressos para fazer a escolha; 37% mala direta; e, empatados com 28% cada, revistas e emissoras de rádio aparecem com menor escala na influência de compra. asics gel kayano E toda essa influência da internet, aliada a influência dos amigos e parentes traz benefícios também para o consumo digital. Principalmente o social-commerce, onde as vendas são feitas diretamente nas redes sociais. adidas sneakers De acordo com Ricardo Grandinetti, gerente de produtos da LikeStore (www.likestore.com.br – site responsável por disponibilizar vendas pelo facebook), o comportamento social moderno mostra como a internet tem importância no dia a dia das pessoas nos dias de hoje. “Até as coisas mais simples são feitas dentro da rede atualmente. nike air max tn soldes O tradicional boca a boca continua existindo hoje, por meio das redes sociais. new balance shoes É comum encontrar pessoas no Facebook, ou no Twitter, procurando mais informações sobre algum produto especifico”, explica. basket nike tn soldes “Isso abre um grande caminho para o crescimento do social commerce, que utiliza a opinião dos próprios amigos para recomendar positiva, ou negativamente, um produto”, afirma Grandinetti. adidas outlet

A tecnologia está ao nosso redor e a nosso favor. Cabe a nós utilizá-la com sabedoria e aproveitar as novidades.

O que há de novo na versão atual da TradeMail

Estamos felizes em anunciar a nova versão da nossa ferramenta TRADEMAIL, Maglie Indiana Pacers com muitas mudanças e melhorias constantes para tornar o e-mail marketing cada vez mais eficiente e fácil de utilizar. Nova interface A TradeMail apresenta uma interface totalmente nova com informações das atividades em tempo real com taxa de interação do assinante. Maglie Milwaukee Bucks Novo editor para criar formulário de inscrição. Nunca foi tão fácil criar o formulário de inscrição através do novo editor. Fjallraven Kanken Mini Adiconar campos, Nike Air Max 2017 Dames zwart mudar textos, Troy Polamalu College Jerseys HTML, ray ban pas cher definir um tema ou formas com imagens personalizadas, Fjallraven Kanken Big e muito mais. Adidas Pas Chere Novas formas de divulgar seu formulário de inscrição – QR CODE Divulgue seu formulário através do QR Code aplicando-o em suas campanhas publicitárias.A TradeMail disponibiliza o código que ao tirar uma foto dele, Air Jordan 3 Uomo utilizando um leitor de QR Code,

Comunicação por Conteúdo na pauta das empresas

É crescente a consciência das empresas quanto à importância de inserir a Comunicação por Conteúdo nos planejamentos de Comunicação Integrada. nike air max 1 pas cher O mercado reconhece nesta nova forma de comunicar, uma possibilidade de ampliar a visibilidade de sua marca, produto ou serviço. Por se tratar de uma forma moderna de comunicar utilizando ferramentas com recursos para mensurar a reação dos clientes, a Comunicação por Conteúdo tem sido recebida com alto valor. É um diferencial para consolidar a imagem de modernidade das empresas e deve ser abordada como algo além de uma ação mercadológica. Nike Air Max 2016 Heren grijs Sabemos que a venda é uma necessidade de qualquer empresa, College Apparel porém o relacionamento é que passa a ser uma obrigação. Essa nova proposta de comunicação, C.J. Wilson Jersey aliada a tecnologias, Maglia Patrick Ewing fez com que a Trade Mídia criasse o produto TradeInform, ASICS PAS CHER FR serviço que contempla a atualização constante da base de dados do cliente, produção de conteúdo relevante e o gerenciamento do envio de uma newsletter por mês, com até cinco notícias úteis e prazerosas, Ray Ban pas cher mantendo assim um relacionamento duradouro com os clientes. cheap fjallraven kanken O serviço também contempla o monitoramento nas mídias sociais através da ferramenta TradeFollow, relatórios em tempo real de cada contato que recebeu o e-mail enviou para um amigo, clicou em algum link ou acessou o site e gráficos com os horários em que os e-mails são lidos.                               A sua empresa precisa ser conhecida não só pelo que vende, Andrelton Simmons Baseball Jersey mas por tudo que pode oferecer, é preciso acompanhar seus clientes e saber o que eles pensam!

Seduza seu público,

5 dicas de E-mail Marketing para 2012

O e-mail Marketing tem sido uma das principais ações de venda e relacionamento na comunicação online das empresas de diferentes segmentos e tamanhos. Ele é uma mala direta evoluída, pois mudou o conceito sobre o receptor, deixando a forma passiva de receber uma mensagem para uma comunicação interativa e com melhor mensuração de resultados.   A popularidade do e-mail marketing é a causa da grande avalanche de e-mails que circulam diariamente pela internet. hogan scarpes E os provedores por sua vez, criam regras “burras” cada vez mais rigorosas diminuindo consideravelmente as taxas de entrega das campanhas, não importando se a lista é opt-in ou soft opt-in. Aqui estão algumas dicas para iniciar 2012 com um melhor desempenho do seu e-mail marketing:   Limpe sua lista de e-mail Manter uma lista limpa é um desafio para empresas de todos os tamanhos, especialmente os pequenos proprietários de negócios que muitas vezes não têm uma equipe dedicada para lidar com essas tarefas. Aceite o desafio para começar 2012 limpando sua lista antes de enviar sua primeira campanha do ano novo. Você vai melhorar seu desempenho, sua reputação e as taxas de abertura. lunette de soleil oakley pas cher O primeiro passo é certificar-se de excluir da sua base os e-mails cancelados e os bounces (e-mails devolvidos). Fjallraven Kanken Big Reveja o que funcionou e não no ano de 2011, dê uma olhada em suas campanhas bem sucedidas e os fracassos para que você possa repetir as campanhas vencedoras e assim obter resultados ainda melhores. nike air max   Aumente sua lista de forma segmentada Construa uma base de clientes de relevância com sua marca, faça com que todos os departamentos da sua empresa estejam comprometidos com esse objetivo. Nike Air Max 2016 Heren Rood O cadastro pode ser construído a cada interação com o cliente, em um atendimento telefônico ou telemarketing, recepção da empresa ou próprio ponto de vendas. Nos eventos externos como congressos e feiras, após uma apresentação de uma palestra, na troca de cartões falem sobre o newsletter. nike air max Ações de internet, rede sociais, ofereça algo de valor, como por exemplo, disponibilizar download de arquivos ou documentos importantes para que seu cliente conceda permissão. fjallraven kanken Qualquer divulgação da sua empresa pode ser utilizada para incentivar o cadastro, desde as folheterias, papéis timbrados, as mídias off-line nos anúncios de jornais, revistas, etc.   Experimente algo novo Inove em 2012, experimente algo novo nas suas campanhas de e-mail marketing, personalize sua próxima campanha, crie um arquivo de vídeo ou podcast, uma multimídia pode tornar suas campanhas mais interativas e atraentes. Crie campanhas promocionais e virais integradas com seu Blog, Twitter e Redes Sociais.   Aumente as taxas de abertura de suas campanhas Não seja mais um no meio dos milhares de empresas que compartilham os mesmos servidores que disparam e-mails em massa, evite trabalhar com esse tipo de empresa que coloca os seus e-mails em filas de espera, procure especialistas que tratam o e-mail marketing como mídia e que gerenciem suas campanhas. É claro que é necessário um ambiente com velocidade no envio e qualidade na entrega, mas que os especialistas de fato participem do processo de suas campanhas, cuidando de todos os detalhes que influenciem no resultado, como o título, tipo de letra, quantidade de caracteres, análise minuciosa no código do seu HTML para avaliar o nível de qualidade da campanha e assim evitar que sua mensagem seja barrada em filtros anti-spam. Kanken Fjallraven   Mensure os resultados de suas campanhas Obtenha métricas, alguns indicadores lhe ajudarão a medir o sucesso de sua campanha. Informações sobre a quantidade de e-mails enviados e abertos, quem abriu a mensagem, quais links foram clicados e quem os clicou, gerencie os erros de envio e solicitações de remoção de forma completamente automatizada. Não envie uma segunda mensagem para quem não deseja recebê-la. Analisando o resultado de suas campanhas, você conhecerá melhor os seus contatos e passará a construir campanhas cada vez mais eficientes.